GNR vai ter dois novos tenentes-generais do Exército

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

GNR vai ter dois novos tenentes-generais do Exército

Mensagem por BlackOps em Sex 10 Fev 2017, 15:04

http://www.dn.pt/portugal/interior/gnr-ministra-aceita-mais-dois-generais-do-exercito-5659043.html

Um dos oficiais sai do Exército para ocupar o cargo do major-general que se demitiu da Guarda em protesto por não ser promovido.
A GNR vai ter dois novos tenentes-generais do Exército, um dos quais é promovido a esse posto e deixa o ramo para ocupar o cargo de comandante operacional da GNR, soube o DN.
Esta medida contraria a aparente recusa da ministra da Administração Interna em ter mais generais do Exército na GNR, mas o seu gabinete, sobre esse ponto, remeteu o DN para a proposta do novo Estatuto dos militares da Guarda que "será discutida em breve em Conselho de Ministros".
O documento, há meses em preparação e análise, previa nas suas primeiras versões a promoção de coronéis sem o curso da Academia Militar. A proposta entregue em setembro passado às associações socioprofissionais criava o posto de brigadeiro-general e admitia a promoção de coronéis com quatro anos de posto ao generalato "por escolha". Objetivo? "Selecionar os militares considerados mais competentes e que se revelaram com maior aptidão para o desempenho de funções inerentes ao posto superior", dizia o texto.
O ministério de Constança Urbano de Sousa, questionado sobre se a proposta de promover algum major-general (a fazer pelo Exército) tinha passado pelo seu gabinete, escusou-se a fazer "qualquer comentário".
O cargo de comandante operacional da GNR foi ocupado interinamente por um major-general, Rui Moura, que se demitiu ao saber que o Exército - como o comandante-geral da GNR, garantiram fontes ouvidas pelo DN - não tinha proposto a sua promoção.
Rui Moura foi ultrapassado pelos majores-generais Rui Clero - comandante da Zona Militar e do Comando Militar da Madeira, que vai deixar o Exército - e por José Manuel da Fonseca, que comanda a Unidade de Controlo Costeiro (UCC) e vai continuar na GNR.
As promoções de Rui Clero, José Manuel da Fonseca e também do major-general Tiago Vasconcelos carecem da deliberação do Conselho de Chefes, sendo depois "sujeitas a aprovação" - ou não - do ministro da Defesa e "a confirmação pelo Presidente da República".
Recorde-se que a passagem de Rui Moura à reserva implicava a saída automática de Tiago Vasconcelos para a reserva, por razões estatutárias. Para o evitar, o Estado-Maior General das Forças Armadas (EMGFA) exonerou antecipadamente o tenente-general Sílvio Sampaio (Força Aérea) e alterou retroativamente (por duas vezes) a data da última ordem de serviço por ele assinada antes de regressar ao ramo - uma semana depois, por acordo entre os chefes militares.
O PCP, na sequência da notícia sobre as alterações sucessivas de datas aprovadas pelo chefe do EMGFA, general Pina Monteiro, questionou o ministro da Defesa, que tem 30 dias para responder. O EMGFA reafirmou que esta "é uma questão meramente administrativa", escusando-se a fazer outros comentários.
O facto é que para Tiago Vasconcelos - adjunto durante anos do general Rocha Vieira (último governador de Macau) - continuar no ativo, o EMGFA teve de abrir artificialmente uma vaga que só surgiria dias depois. Como diz o Estatuto dos Militares das Forças Armadas, a passagem de um oficial general à reserva fica suspensa "[quando] se verifique a existência de uma vacatura em data anterior e de cujo preenchimento possa resultar a sua promoção ao posto seguinte".




ja estamos tão habituados a que nos mintam!!!!! está é só mais uma!!!!!
avatar
BlackOps
Furriel
Furriel

Masculino
Idade : 39
Profissão : MILITAR GNR
Nº de Mensagens : 469
Mensagem : SI VIS PACEM PARA BELLUM

Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: GNR vai ter dois novos tenentes-generais do Exército

Mensagem por CARI2013 em Sex 10 Fev 2017, 15:44

«O cargo de comandante operacional da GNR foi ocupado interinamente por um major-general, Rui Moura, que se demitiu ao saber que o Exército - como o comandante-geral da GNR, garantiram fontes ouvidas pelo DN - não tinha proposto a sua promoção.»
«O ministério de Constança Urbano de Sousa, questionado sobre se a proposta de promover algum major-general (a fazer pelo Exército) tinha passado pelo seu gabinete, escusou-se a fazer "qualquer comentário".»


Dá para reflectir....
avatar
CARI2013
Sargento-Mor
Sargento-Mor

Masculino
Idade : 35
Profissão : GNR
Nº de Mensagens : 2860
Mensagem : «Uma das maiores subtilezas da arte militar é nunca levar o inimigo ao desespero.»
(Michel de Montaigne)
Meu alistamento : Aqui podes colocar o ano do teu alistamento!(Facultativo)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares